Categorias Notícias

Como evitar problemas na hora da vistoria veicular

Chegou a época mais temida para todos aqueles que são motoristas: a vistoria veicular. E não adianta justificar que não conhece os procedimentos, já que é essencial saber o que precisa ser feito para que seu carro não apresente nenhum problema ao ser vistoriado. Para conseguir ser aprovado na vistoria veicular, é importante se informar e entender o que pode ou não pode acontecer.

Mas… o que é a vistoria veicular?

A vistoria veicular é uma avaliação obrigatória para todos os automóveis dentro do território brasileiro. Essa vistoria veicular deve ser executada em cada estado pelo DETRAN (Departamento Estadual de Trânsito), órgão responsável pelo processo da vistoria. O objetivo é analisar e constatar se esse veículo está regularizado, verificar toda a documentação e analisar as condições do carro para que ele possa circular em segurança.

Para entender melhor o que pode ou não reprovar seu carro em uma vistoria, recomendamos entender e conhecer os procedimentos a serem feitos antes de começar a pensar em fazer trâmite. Um deles é o CRVL (Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos).

Você já sabe onde fazer sua vistoria veicular? Procure o posto de vistoria mais próximo do local em que você se encontra!

Essa vistoria é feita sempre que ocorre uma transferência de propriedade do veículo para que a negociação possa ser regularizada. Ela é essencial para licenciamento de carros fabricados há mais de 5 anos em alguns dos estados brasileiros, e também prioriza evitar que carros que não seguem as especificações do fabricante possam circular nas vias dentro de território brasileiro.

Em alguns estados, essa vistoria é paga e esse valor pode variar de estado para estado. Também é necessário o preenchimento do formulário do RENAVAM (Registro Nacional de Veículos) diretamente no site do DETRAN que atenda o estado onde você reside.

Se você odeia lidar com burocracia e não quer lidar com toda essa papelada, pode também cogitar a contratação de um despachante. Muitos desses profissionais ajudam com pendências relativas à documentação e podem te poupar tempo – e dinheiro.

Se atente aos itens obrigatórios

O próprio nome já diz: são itens que não podem faltar no seu veículo e que podem causar uma reprovação na sua vistoria veicular. Os itens são esses:

·        Os pára-choques dianteiros e traseiros.

·        Espelhos retrovisores, internos e externos.

·        O limpador de para-brisa.

·        O lavador de pára-brisa.

·        A pala interna de proteção contra o sol.

·        Os faróis principais dianteiros da cor amarela e branca.

·        Os faroletes nas cores amarela e branca.

·        As lanternas de posições traseiras de cor vermelha.

·        As lanternas indicadoras de direção – dianteiras (âmbar) e traseiras (âmbar e vermelha).

·        A lanterna de marcha a ré (branca).

·        Os retrorrefletores traseiros (vermelho).

·        A lanterna de iluminação da placa traseira (branca).

·        O velocímetro.

·        A buzina.

·        Os freios de estacionamento e serviço e com comandos independentes.

·        Pneus que estejam em bom estado e que ofereçam segurança.

·        Um dispositivo de sinalização luminosa ou refletora de emergência.

·        O extintor de incêndio (dentro do prazo de validade e funcionando adequadamente).

·        O registrador instantâneo e inalterável de velocidade e tempo.

·        O cinto de segurança em boas condições (para todos os passageiros).

·        O dispositivo que controla o ruído do motor.

·        Roda extra, incluindo o aro e o pneu e câmara de ar.

·        Macaco, para possíveis mudanças de pneu na rua.

·        A chave de roda.

·        Chave de fenda ou qualquer outra do tipo para remoção das calotas.

·        O cinto de segurança para a árvore de transmissão nos veículos de transporte coletivo e carga.

·        As lanternas delimitadoras e as laterais nos veículos de carga.

·        Para caminhões, os protetores das rodas traseiras são verificados.

Todos esses itens serão verificados no dia da sua vistoria veicular, e apesar da lista ser grande, não é tão difícil ter tudo em dia.

E o que pode me reprovar na vistoria veicular?

Você pode ter todo o cuidado do mundo e ainda assim correr o risco de ter seu veículo reprovado na vistoria. Para que as chances sejam as menores possíveis, o motorista deve evitar certas coisas, como por exemplo o rebaixamento do carro ou que o veículo tenha algum defeito relativo à integridade da suspensão. Além disso, os pneus devem ter um cuidado especial para que estejam conservados e com uma largura que não ultrapasse a carroceria, ademais das janelas que devem estar intactas e sem rachaduras.

Se você, por um acaso, tiver um carro blindado, isso precisa estar descrito na documentação do automóvel. A blindagem tem que estar perfeita, sem bolhas de ar e sem desgastes visíveis. Já veículos com película (o chamado insufilm), a vistoria também irá verificar se esse item está de acordo com as regras do Código de Trânsito Brasileiro. Películas refletivas não estão permitidas, por exemplo. Já o chassi e o número do motor precisam estar legíveis. Etiquetas e gravações nos vidros podem ser reprovados caso possuam alguma divergência ou irregularidade.

O que fazer se o meu carro for reprovado?

Calma, não precisa se sentar e chorar. É necessário entender e adotar algumas medidas para que seu automóvel seja regularizado e para que você possa seguir em frente com a transferência do veículo. O DETRAN costuma pedir aos motoristas para que agendem uma nova análise e que caso o problema persista, essa reprovação é ratificada para que possa ser regularizada em até 30 dias.

Todos os defeitos devem ser corrigidos até a data limite, mas com calma e planejamento você conseguirá fazer que seu veículo volte a circular o mais rápido possível.

Prevenção é a chave do sucesso

O melhor que você pode fazer pelo seu carro é cuidar bem e mantê-lo sempre em dia, seja com itens básicos como pneus ou lanternas como nos itens mais caros, como extintores. Isso evitará que você gaste muito na hora de fazer sua vistoria veicular, e te ajudará a manter a tranquilidade sem precisar correr atrás de tudo de última hora.

Se a hora da sua vistoria veicular estiver chegando, procure o posto de vistoria mais próximo de você e agende com antecedência, para que sua documentação fique sempre em dia.

Publicado por
veiculosnaweb

Notícias recentes

Chatbot no atendimento ao cliente de concessionárias de veículos

Saiba como tornar ainda mais prático e eficiente o atendimento ao cliente de concessionárias de veículos. Em busca de aprimorar…

16 horas atrás

Carros usados até R$ 50.000,00: veja alguns modelos

Se você está procurando carros usados até R$ 50.000,00, chegou ao lugar certo. Aqui, vamos destacar as melhores alternativas do mercado,…

3 semanas atrás

Por que as oficinas devem usar e-mail marketing?

Imagine a seguinte situação: Você está planejando fazer uma viagem de carro para o litoral durante o feriado e com…

4 semanas atrás

Data Driven Marketing: veja como ele pode ajudar sua concessionária

O Data Driven Marketing veio para revolucionar o mercado das concessionárias. Hoje em dia, com o avanço da internet, as pessoas…

1 mês atrás

Dicas para aprender a vender automóveis!

Qualquer instrutor de treinamento de vendas de automóveis pode dizer que um cliente já sabe o que deseja antes mesmo…

1 mês atrás

Como escolher óleo lubrificante para o carro

Certamente você parou para encher o carro com combustível e abordou os trabalhadores do posto de gasolina que tentaram enfiar…

2 meses atrás